fanzines de banda desenhada

domingo, dezembro 20, 2009

Tomorrow the chinese will deliver the pandas - Editoras independentes, edições alternativas (I) -Junho 08

Capa do mini-álbum
Lígia Paz, a namorada de Marco Mendes (não está identificada, mas eu reconheço-a bem, porque a conheci quando veio à Tertúlia BD de Lisboa, no mês em que Marco Mendes foi o Convidado Especial).
Embora menos reconhecível, eu arriscaria afirmar que foi rambém ela que serviu de modelo à sugestiva figura feminina da ilustração da capa.

Quanto à personagem masculina, travestida, julgo que será o próprio Marco Mendes, que, com frequência, se autorretrata nas suas bandas desenhadas.

É fácil de perceber que as tiras que encimam as pranchas referem-se a um gag, em que participa um amigo do Marco Mendes, a tomar banho e a dar uma passa, enquanto este está sentado na sanita e recebe o charro de volta.
Um brincalhão de grande talento, este Marco Mendes, que já merece aparecer num trabalho de maior fôlego, em álbum. Mas, se calhar, precisa de um argumentista (ele tem sentido ficcional e de humor, mas sempre num registo de "curtas".



As seis pranchas acima reproduzidas são acompanhadas por diferentes bedês apresentadas por tiras em rodapé, excepto nas duas primeiras páginas, em que as tiras estão colocadas sobre o episódio em tipo de continuação
Outro retrato de Lígia Paz, a namorada de Marco Mendes (garanto que está muitíssimo parecida), aliás desenhada com amor evidente, mau grado a frase dela (faz parte da ficção...)

Retrato de Janus (com impecável semelhança), um amigo de Marco Mendes, também ilustrador/autorde BD, também do Porto, e igualmente já Convidado Especial da Tertúlia BD de Lisboa, há uns anos.

EDIÇÕES ALTERNATIVAS

"Tomorrow the chinese will deliver the pandas" é o título completo desta curiosa edição feita em Portugal mas toda legendada em inglês.
Marco Mendes é autor deste álbum, o que dá para considerar uma obra monográfica, visto ser composta totalmente por bandas desenhadas, ilustrações e retratos, tudo da autoria do talentoso artista, autor de BD, ilustrador e retratista.
E classifico o pequeno álbum como edição alternativa, por ter sido produzido por uma pequena editora independente (seja lá o que isso for), a Plana.
Disse-me o Marco que a edição em inglês terá sido uma ideia de Luís Camanho, dono da citada editora, a fim de ser enviada para editoras independentes estrangeiras, embora, ao que parece, a pequena tiragem tenha sido já quase toda vendida a bedéfilos portugueses.
-----------------------------------------
Tomorrow the chinese will deliver the pandas
Edição alternativa (*)
Álbum em formato A4
Capa a preto e branco e magenta, miolo (.. páginas impressas a p/b)
Data da edição: Junho 2008
Editora [independente] Plana
Porto
------------------------------------------------
(*) Porquê edição alternativa e não fanzine? Qual a diferença?
Um fanzine é um magazine feito sem intuitos lucrativos por um faneditor (editor amador), ou por um grupo de entusiastas (editores amadores), ou por uma associação sem fins lucrativos.
Uma publicação alternativa tanto pode ser uma revista como um álbum, editadas por uma pequena editora normalmente considerada "editora independente", por se dedicar a um tipo de publicações de temas geralmente não tratados pelas grandes editoras, mas igualmente com fins lucrativos, pormenor que marca a ténue fronteira que as separa dos faneditores e seus fanzines.
No caso da edição de BD, prevalece a banda desenhada de cariz underground, dita alternativa.
Nota: Trata-se de opinião própria, não extraída de qualquer obra publicada.

Geraldes Lino

Etiquetas: ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial