fanzines de banda desenhada

terça-feira, maio 15, 2007

Efeméride - nº 2 - Fev.07

Capa de Carlos Alberto para o fanzine Efeméride, que engloba a obra colectiva Príncipe Valente no Século XXI.

Carlos Alberto, bem conhecido de quem foi leitor do Mundo de Aventuras e/ou do Jornal do Cuto, é o nome que encabeça a lista dos colaboradores deste segundo número do fanzine Efeméride, preenchido com bandas desenhadas-paródias de homenagem àquele famoso herói medieval.
Prancha da autoria de Pedro Nogueira

Para esclarecer o espírito e a intenção deste fanzine, aqui se reproduz (parcialmente) o editorial:
A 13 de Fevereiro de 1937 - por acaso um sábado, contrariando a tradição das Sunday pages -, iniciava-se a publicação, simultaneamente nas páginas de oito jornais americanos, da notável obra de Figuração Narrativa intitulada Prince Valiant - In the Days of King Arthur, sob a autoria absoluta (desenho, argumento e colorido) de Harold Rudolf Foster.
Decorreram setenta anos após o surgimento dessa saga de ambientação medieval, narrada através de imagens sequenciais, complementadas por descrições e diálogos incluídos em legendas didascálicas - Hal Foster nunca quis usar os chamados "balões de fala" -, imagens essas de inquestionável mestria.
Na sequência do que já tinha feito no número inicial do Efeméride - também em formato inusitadamente grande para um fanzine, e totalmente a cores - com o qual comemorava a secular efeméride do clássico Little Nemo in Slumberland, de Winsor McCay, transformado na obra-paródia Sonhos de Nemo no Século XXI, reuni um grupo de vinte e um autores-artistas portugueses - uns consagrados, outros de recente geração - fazendo-lhes idêntico desafio, dando-lhes agora, para glosarem, em homenagem descomprometida através novamente por "pastiches", um bem diferente tema: Príncipe Valente no Século XXI. Como resposta, cada um desses autores (...) tomando por modelo a figura e as proezas do quase sempre conspícuo príncipe, deixou deslizar a imaginação para episódios prenhes de delirantes anacronismos, de improváveis peripécias, de situações deliciosamente absurdas e irreverentes.

Prancha da autoria de Renato Abreu

Vários desses "pastiches" são cintilantes de humor, a roçar por vezes o sarcasmo: um príncipe que, além de careca, usa peruca, é absolutamente inimaginável numa série de banda desenhada clássica; e não o é menos o visionamento, embora esporádico, de imagens que pairam a curta distância da escatologia.

Prancha da autoria de Álvaro

Até aflorando tonalidade dramática, um desses criadores atinge o limite da probabilidade ficcional, matando simbolicamente o herói medievo, reencarnado em homónima personagem inserida numa sombria cena de guerra hodierna.

Prancha da autoria de Paulo Monteiro (desenho) e Susa Monteiro (colorido)

Ao todo, formando panóplia por vezes desconcertante, decorrem vinte e um episódios onde aquela personagem marcante da Banda Desenhada mundial, ainda em publicação, é parodiada até ao delírio da criatividade.

Outros colaboradores:
Pedro Massano e José Garcês, cujas pranchas podem ser vistas no meu outro blogue Divulgando Banda Desenhada, no endereço
http://divulgandobd.blogspot.com
nas datas, respectivamente, Maio 15 e Maio 17
e ainda mais os seguintes:
José Ruy, Baptista Mendes, Augusto Trigo, Zé Manel, Zé Paulo, Rui Pimentel, Pedro Castro, Santos Costa, Manuela Torres ("post" posterior, em Jun.6), Carlos Marques, José Abrantes, Pedro Nogueira, António Salvador, Alvaro, Renato Abreu, Paulo Monteiro, Ricardo Cabrita, Nazaré Alvares, João Amaral.
O "design" do fanzine esteve a cargo de Jorge Silva.

Efeméride
Nº 2 - 13 de Fevereiro de 2007
Formato A3 - Capa e miolo a cores
Tiragem: 100 exemplares
Editor
Geraldes Lino
Apartado 50273
1707-001 Lisboa

1 Comentários:

Às 11:09 da manhã , Anonymous dlt disse...

Tive conhecimento que está para ser lançado o nº 4. Gostaria de saber os locais de venda previstos e qual é o PVP e portes caso seja à cobrança.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial